[PDF] Havia By Joana Bértholo – Loanexpress.us

HaviaHavia Muitas Hist Rias, Entre Elas Havia Uma Rapariga Que Todas As Manh S Sa A Para Tomar Caf Com Um Poema Havia Uma Ilha Rodeada De Terra Por Todos Os Lados Havia Um Sentimento Sem Nome Havia, Uma, V Rgula, Com, Uma, Gritante, Necessidade, De, Protagonismo,,, Havia Um Ricardo Que Queria Ser Um Francisco Havia Uma Menina Que Estava H Muito Tempo Sem Comer Havia Um Homem Que Tomava Caf Para Dormir Havia Um Amor Que Era Puro Havia Um Poeta Afetado Havia Algu M Que Amava Uma Marioneta Havia Uma Hist Ria Que N O Queria Ser Contada Havia Uma Pessoa Que Um Dia, Numa Manh Cinzenta, Em Pleno Centro De Londres, Acordou Bem Humorada.

    10 thoughts on “[PDF] Havia By Joana Bértholo – Loanexpress.us


  1. says:

    Como imagino tenha acontecido a tantas outras pessoas, o que mais me cativou neste livro foi a capa, que, com a sua simplicidade e um qu de humor pr prio, se destacou como era inten o bvia de todas as outras No entanto, e como a autora sugere ainda antes de abrirmos o livro, o que conta o interior, e neste caso, deparamo nos com um interior que , simplesmente, competente Mas que n o capaz de incendiar nada Em termos de escrita, n o h nada a assinalar uso competente e, ao mesmo tempo e muitas das vezes, criativo, da l ngua portuguesa Pena que nem sempre assim o seja diria que apenas metade do que havia chama realmente a aten o pela originalidade e pelos temas que aborda Dessa metade, diria que existem duas ou tr s hist rias que de facto surpreendem o leitor e que conseguem ser, embora curtas e conformes natureza do livro , provocadoras de pensamento ou emo o.O restante s o momentos de boa leitura de notar que n o lhes chamei bons momentos que n o passam, contudo, de um passatempo O que procuro num livro que me deixe a pensar nele muito depois de o pousar Ou que parte dele me atormente e ou inspire depois de o ler Mas depois de ler Havia, n o havia nada de novo em mim E pousei o, ao p dos outros, sem pensar nele novamente.PS existem ilustra es interessantes neste livro, de Daniel Melim, que acompanham bem a natureza da escrita e que d o um toque especial ao conte do.PPS Ah E n o se deixem enganar pelo n m...


  2. says:

    Um conjunto de 33 contos curtos, todos volta do absurdo A Autora recorre ao imposs vel ou ao exagerado para tornar caricatural aspectos da banalidade quotidiana E f lo por vezes com brilhantismo Alguns contos resultam muito bem, outros tantos bem, poucos n o t o bem, por m, na globalidade, um livro que vale a pena ler Todas as hist rias acabam com um twist que, em quase todos os casos, tem o efeito de superar, de algum modo, o conto Notam se influ ncias de outros autores, o que n o tem mal nenhum, at bastante bom porque essas influ ncias s o indubitavelmente boas No panorama nacional, uma obra que n o encontra muitos pares Os desenhos de Daniel Melim s o dignos de nota e o posf cio um belo texto Havia um livro de ...


  3. says:

    Conjunto de narrativas breves, todas come adas pelo pret rito imperfeito do verbo haver A capa desafia logo o leitor, seguindo se a apresenta o da autora Havia uma escritora de contos curtos onde n o cabiam narrativas compridas Por aqui se nota o ludismo, o brincar com as palavras e os conceitos, a inventiva que atravessa todo o livro, o jogo com o absurdo ali s, o primeiro conto come a assim Havia um absurdo que n o ouvia nada bem Por vezes, quando tudo parece resolvido e com final feliz ou edificante, d se uma reviravolta na p gina seguinte, com remate or...


  4. says:

    Uma pequena pelo tamanho, quer das letras, quer do livro em si grande surpresa

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *